ABC das relações deliciosamente sexy

02/10/2010 08:23

 

Não é uma questão de dominar técnicas eróticas. Muito menos de sorte. Também não tem nada a ver com beleza ou juventude. Sexólogos revelam os segredos - alguns até bem simples - para você e ele prolongarem ao máximo o prazer
 

Amor fora de hora

Por que fazer sexo sempre no mesmo horário? Se, por exemplo, você não tem o hábito de ficar na cama de manhã para "algo mais", experimente, aconselham os especialistas. Dá uma tremenda vitalidade e funciona como uma espécie de antídoto contra os aborrecimentos do resto do dia.

Borboleta de Vênus

É a técnica criada pelos sexólogos Bob e Leah Schwartz, também chamada de "orgasmo de uma hora". Não tem nada de exótico; pelo contrário. O x da questão: o parceiro deve - para o bem dos dois - caprichar nas preliminares e prolongar as carícias e os toques, aprendendo a parar quando estiver quase chegando lá. Como nós, mulheres, somos as rainhas da tensão, precisamos colaborar procurando relaxar. Para os homens, existe a vantagem de adquirir autocontrole.

Condicionamento sexual

No livro que tem esse título (Sexual Fitness), os doutores Hank Wuh e Mei Mei Fox garantem que o bom desempenho e o prazer dependem de um coração saudável e baixos níveis de colesterol. Só assim os genitais recebem fluxo sanguíneo adequado. Por isso, a atividade física é fundamental. Sem falar que ela leva o cérebro a fabricar endorfinas, as mesmas substâncias químicas liberadas quando nos apaixonamos. Os exercícios aeróbicos são perfeitos para aumentar a satisfação sexual. Melhor se acompanhados de um bom alongamento no início e flexões no final.

Diversão

O sexo deve ser encarado como uma atividade lúdica, e não como uma missão a ser cumprida. A maioria das pessoas acaba não aproveitando tanto a brincadeira quanto poderia por excesso de preocupação com a performance. "Quando colocamos o foco no desempenho, ficamos altamente ansiosos", explica o terapeuta sexual Oswaldo Rodrigues, do Instituto Paulista de Sexualidade. "Ao relaxar, abrimos caminho para os prazeres."